Google+ Followers

sábado, 14 de abril de 2012

Venda do ar - performance


   Performance ocorrida num supermercado do Rio de Janeiro, no bairro de Copacabana em 2005.
Composta de um saco plástico transparente enchido de ar, logo pesado e colocado a venda nas gôndolas do supermercado.

 




    A obra propõe uma reflexão do que nós estamos fazendo com a natureza, o consumo desmedido cria necessidades absurdas na desenfreada busca de lucros.

Se hoje em alguns lugares do mundo a água potável é uma substancia rara, porque não o ar?

Hoje é uma quimera e algo irônico e sobre esses pilares se apóia a obra.

Um comentário:

  1. Otra de agua por favor!!
    Habría muy pocas bolsitas a la venta si sólo seleccionáramos lo elemental...

    ResponderExcluir